Recursos de Acessibilidade Tecle Alt+1 : ir ao conteúdo Tecle Alt+2 : ir ao mapa do site Texto menor Texto maior Contraste SIC
Câmara Municipal de Araras
Araras, 23 de novembro de 2017Fone/fax: (19) 3543-3300

Abaixo-assinado pede votação em plenário do projeto que exige permanência da bíblia nas sessões

13/11/2017 às 16:32

Ver galeria de Abaixo-assinado pede votação em plenário do projeto que exige permanência da bíblia nas sessões

Os parlamentares Marcelo de Oliveira (PRB), Deise Aparecida Olímpio de Oliveira (PSC) e Regina Noêmia Geromel Corrochel (PTB) protocolizaram no Legislativo da Câmara Municipal de Araras, um abaixo-assinado de moradores da cidade solicitando que o presidente do Poder Legislativo, o vereador Pedro Eliseu Sobrinho (DEM), inclua na pauta da sessão ordinária para votação dos vereadores, o projeto de Resolução que exige a leitura de um trecho da bíblia e a permanência da mesma sobre a Mesa Diretora durante as sessões camarárias.

Tão logo protocolizado o abaixo-assinado junto ao Diretor Jurídico da Câmara Municipal, Dr. Antônio Martins Ferreira Junior, o presidente Pedro Eliseu Sobrinho ordenou que o projeto seja incluído para votação na sessão ordinária, agendada para à próxima terça-feira, dia 21 de novembro, uma vez que ao longo desta semana serão incluídas emendas ao projeto.

De acordo com o artigo 175 do Regimento Interno da Câmara Municipal de Araras, o presidente declarará aberta a sessão, à hora do início dos trabalhos, após verificação pela secretária, no livro de presença, o comparecimento de 1/3 (um terço) dos vereadores da Câmara. No Projeto de Resolução elaborado pelos vereadores evangélicos, inclui o inciso 7º neste artigo, o qual exige nas sessões camarárias, a permanência da bíblia sagrada sobre a Mesa da Presidência, sendo que, quando da abertura das sessões, será feita pelo presidente, ou com sua permissão, por algum vereador que assim solicitar para fazê-la, uma citação de um trecho bíblico.

Na justificativa do projeto, os parlamentares ressaltam que esta prática, de ler um trecho da bíblia e mantê-la sobre a Mesa da Presidência, é comum em diversas cidades brasileiras. “É fato que nossa constituição é laica, mas não é ateia, tanto que fora promulgada sob a proteção de Deus. Vivemos em um país predominantemente cristão, que acreditam em Cristo e na Bíblia, muito embora saibamos que há divergências na interpretação dos textos bíblicos, ressaltamos que nos municípios de Piracicaba, Araraquara, Cotia, Tupã e Martinópolis e até de outros estados fazem a leitura e mantém a bíblia na Mesa Diretora”, explica os parlamentares.  

 

Com informações da Diretoria de Comunicação da CMA               

Voltar
Enviar por e-mail
Imprimir
Comunicar erro
Eventos
Enviar e-mail para amigo
X



Complete o nome do site:
Municipal de Araras
O link da notícia será enviado automaticamente
Reportar erro!
X
Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo.
O link da notícia será enviado automaticamente




Complete o nome do site:
Municipal de Araras